Cloudflare: Uma ferramenta poderosa para proteger e acelerar seu site

alphimedia hospedagem de site barata
logo cloudflare

Sites e aplicativos da web tornaram-se comuns nos dias de hoje. Para muitas coisas, temos um site (ou) um aplicativo da web para fazer essa tarefa. A maioria desses sites e aplicativos da web são seguros e privados principalmente, mas muitas pequenas empresas e não técnicos têm acesso limitado às suas políticas de segurança. A Cloudflare ajuda a fornecer segurança e desempenho para esses tipos de sites.

A Cloudflare é um provedor de infraestrutura de Internet, cuja ideia é aprimorar a segurança, o desempenho e a confiabilidade de qualquer coisa conectada à Internet. A Cloudflare oferece a maioria dos recursos principais gratuitamente e oferece uma configuração simples para instalação e uso. A Cloudflare tem interface de usuário e API para gerenciar seu site.

Cloudflare funciona em um modelo Freemium, mas oferece a maioria de seus recursos principais gratuitamente, com alguns limites.

Principais recursos do Cloudflare

  • Hospedagem DNS
    O DNS é responsável por traduzir nomes de domínio em endereços IP, a Cloudflare fornece hospedagem DNS para gerenciar registros DNS e os registros da Cloudflare entram em vigor muito rapidamente na maioria dos casos.
  • CDN
    Content Delivery Network é um serviço que armazena em cache seu site e entrega o site geograficamente do servidor mais próximo, o que, por sua vez, aumenta a velocidade de carregamento do site para o visitante.
  • SSL/TLS
    A Cloudflare fornece SSL gratuito para o nome de domínio e subdomínios.
  • Firewall
    Limitado a 5 regras, o firewall da Cloudflare fornece uma maneira de bloquear o tráfego usando endereço IP, nome do host, bots conhecidos, URI e muito mais.
  • Regras de página
    Limitadas a 3 regras As regras de página fornecem funções diferentes, como redirecionamentos, alterações para HTTPS e muito mais.
  • Aplicativos
    Os aplicativos da Cloudflare oferecem diferentes funcionalidades com apenas um clique no botão.
  • Analytics
    A análise da Cloudflare fornece análises simples para o seu site.
  • Registro
    Cloudflare fornece registro de domínio por preço de atacado com privacidade no Whois.
  • Workers
    Aplicativos sem servidor executados em linguagens como JavaScript, C, C++ e Rust.

Funcionamento da Cloudflare

rede de servidores cdn

Muitos hosts da web fornecem integração direta com a Cloudflare usando seu painel de controle, mas você também pode se inscrever diretamente no site da Cloudflare. Faça sua inscrição, adicione seu site, siga as instruções e, por fim, altere os servidores de nome do seu domínio para os informados pela Cloudflare.

Tecnicamente, a Cloudflare atua como um proxy reverso, o que significa que o tráfego completo será roteado por meio de servidores Cloudflare espalhados por 200 cidades em todo o mundo. A Cloudflare é o primeiro serviço a combinar segurança com desempenho. Os servidores Cloudflare, que são chamados de servidores “Edge” pela empresa, armazenam em cache o conteúdo da página da web e servem então como CDN, e como o tráfego precisa tocar o servidor Edge antes do servidor web original, a Cloudflare pode bloquear qualquer bot malicioso, proteger contra DDoS, e também pode bloquear o tráfego de acordo com as regras do firewall.

Conclusão

Usar uma CDN é uma ótima maneira de acelerar seu conteúdo da web. Seja um blog local ou um site de comércio eletrônico, CDNs, como Cloudflare, podem ajudar a melhorar o desempenho e a acessibilidade do seu site. A Cloudflare é única porque também pode melhorar sua segurança.

cPanel: Um painel completo para gerenciar seu site e hospedagem

ValueHost hospedagem 30 dias grátis
logo cpanel

O cPanel é uma ferramenta baseada na Web fornecida por provedores de hospedagem de site para ajudar os usuários a gerenciar seus arquivos e configurações de servidores e sites da Web, e-mail, DNS, bancos de dados, FTP e muito mais.

O cPanel é uma ferramenta baseada na web fornecida por provedores de hospedagem para ajudar a gerenciar o servidor e os sites.

Ele fornece uma interface para gerenciar arquivos, bancos de dados, contas de e-mail, contas de FTP e muito mais. Este artigo tem como objetivo fornecer informações sobre o que o cPanel faz e como você pode usá-lo!

cPanel é um painel de controle de hospedagem que permite gerenciar seu servidor web com mais facilidade. O cPanel é o painel de controle usado pelos usuários finais em um revendedor de provedor de hospedagem.

Ele fornece acesso rápido e fácil a muitas das opções mais usadas do seu site, como gerenciamento de domínios, contas de e-mail, bancos de dados, usuários de FTP e arquivos.

Com o cPanel, você pode criar backups do seu site ou restaurá-los se algo der errado. Você também pode configurar uma resposta automática para quando as pessoas entrarem em contato com você por e-mail.

cPanel é uma ferramenta que fornece serviços para hospedagem na web. É uma interface para gerenciamento de arquivos e bancos de dados, contas de e-mail, contas FTP, domínios, estatísticas sobre o desempenho do site e outros recursos.

O cPanel pode ser usado para carregar o conteúdo do seu site ou fazer alterações em sua estrutura, como adicionar novas páginas ou editar as existentes. Vamos olhar mais de perto!

Como o cPanel funciona?

painel de controle cpanel

cPanel é um painel de controle de hospedagem na web para a administração de sites. Usando o cPanel, pode-se gerenciar facilmente contas de e-mail, bancos de dados, usuários de FTP e outros aspectos relacionados à hospedagem. Com ele você gerencia seu servidor de hospedagem na web usando uma interface web amigável.

Em palavras essenciais, o cPanel é um painel a partir do qual você pode controlar sua conta de hospedagem na web e seus recursos. Atua como administrador para configurar os serviços prestados pela empresa de hospedagem, como e-mail, gerenciar sites, etc.

Suponha que você tenha comprado um nome de domínio e um plano de hospedagem na web de algum provedor de serviços de hospedagem barato; geralmente, para gerenciar sua conta, você precisa usar um cliente FTP, fazer upload de arquivos da web, etc.

Você também precisa manter o site atualizando o conteúdo e instalando scripts o que não é uma tarefa fácil para pessoas comuns, principalmente iniciantes.

O cPanel torna tudo mais simples, pois fornece uma interface através da qual você pode iniciar e interromper serviços, adicionar e excluir usuários e instalar scripts.

Para que serve o cPanel?

A hospedagem cPanel é um aplicativo baseado na Web que controla e gerencia contas em servidores de hospedagem.

O cPanel possui muitas ferramentas e recursos que permitem controlar facilmente cada conta em seu servidor – isso inclui, mas não se limita a: gerenciamento de arquivos (upload, download, exclusão), registro/transferência de domínio, criação/gerenciamento de conta de e-mail, informações de cobrança, PHPMyAdmin, bancos de dados e estatísticas da web.

Isso é possível porque o cPanel permite que você forneça aos usuários acesso total de leitura e gravação a arquivos, diretórios e processos permitidos para uso em seu servidor.

cPanel é uma interface baseada na web que controla sua conta de hospedagem. O cPanel permite que você gerencie facilmente arquivos, senhas e usuários, bem como configure contas de e-mail e todo tipo de outras coisas.

Em seu nível mais básico, o cPanel permite que você crie contas FTP que você pode usar para fazer upload ou download de conteúdo diretamente para o seu espaço de hospedagem na web. Isso pode ser usado para fins de backup e para enviar seu próprio site/página da Web diretamente para o host.

O cPanel também permite criar contas de e-mail facilmente gerenciadas pelo painel de controle. Da mesma forma, o cPanel permite que você crie contas de estatísticas que permitem monitorar o tráfego que entra e sai do seu site.

E isso resume o básico do que o cPanel pode fazer! Há muito mais recursos que você pode descobrir e utilizar. A melhor maneira de entender como tudo funciona é fazer login no seu cPanel e brincar – é bastante intuitivo e você pode ver facilmente o que tudo faz.

Empresas de hospedagem populares que possuem planos com cPanel

cPanel vs WHM

cPanel é mais fácil de instalar e usar.

O WHM requer mais recursos do sistema e demora mais para instalar do que o cPanel, mas oferece mais opções de personalização. O cPanel vem com recursos básicos, enquanto o WHM possui funcionalidades avançadas.

O cPanel é bom para iniciantes, mas administradores de web experientes podem precisar de mais poder e controle sobre seu servidor.

Conclusão

cPanel é um painel de controle de hospedagem baseado na web que permite gerenciar seu site e nomes de domínio com eficiência. Você pode facilmente configurar contas de e-mail, criar backups, reiniciar seu servidor ou configurar uma conta FTP com o clique de um botão. O cPanel também pode conter vários outras ferramentas de terceiros, como o Softaculous, um ótimo instalador de aplicativos que contém WordPress, Opencart, Joomla! e Drupal, por exemplo.

Esta poderosa combinação de painéis de controle de hospedagem com aplicativos integrados ajuda você a colocar seu site em funcionamento rapidamente!

Entenda como o NGINX pode otimizar sites que necessitam de alta performance

e-consulters site com mais velocidade e desempenho

logo nginx

O que é NGINX?

NGINX  é um software de código aberto para servidores web, proxy reverso, cache, balanceamento de carga e streaming de mídia – e é amplamente utilizado por sua arquitetura leve de alto desempenho

O que é o servidor NGINX?

O servidor NGINX é um servidor web gratuito e de código aberto. Ele roda em sistemas operacionais Linux/Unix de 64 bits e é amplamente utilizado para sites de alto desempenho devido à sua arquitetura leve em comparação com os servidores Apache. Neste artigo, forneceremos informações básicas sobre o NGINX, exemplos de configuração e quais módulos são necessários para determinados recursos do seu site. Também responderemos a perguntas frequentes sobre os servidores NGINX e forneceremos soluções práticas para problemas comuns encontrados na web.

Mais sobre o servidor NGINX

Nginx é um servidor web de alto desempenho com uma arquitetura leve. Ele é executado em sistemas operacionais Linux/Unix de 64 bits e é amplamente usado para sites de alto tráfego porque pode lidar com mais conexões simultâneas do que os servidores Apache. O Nginx demonstrou superar o Apache em benchmarks, especialmente ao servir arquivos estáticos.

O arquivo de configuração do NGINX está localizado em /etc/Nginx/Nginx.conf e contém diretivas que controlam a operação do servidor. Os módulos NGINX estão localizados no diretório /usr/lib64/Nginx/modules. Os módulos mais utilizados são:

  • core – funcionalidade básica do Nginx
  • SSL – fornece suporte SSL
  • proxy – habilita o suporte a proxy reverso
  • geo – habilita o suporte de geolocalização
  • event – ​​habilita o modelo de programação orientado a eventos

Existem muitos outros módulos disponíveis, e a lista muda com frequência. Você pode encontrar uma lista atual de módulos NGINX no wiki do NGINX.

Como funciona o servidor NGINX?

NGINX é um poderoso software de servidor web que pode lidar muito bem com grandes volumes de tráfego. Também é de código aberto e de uso gratuito. Neste artigo, veremos como o NGINX funciona e alguns de seus benefícios.

O NGINX usa um modelo de mestre-trabalhador no qual um processo mestre delega tarefas a processos de trabalho. O NGINX é geralmente usado como um software de servidor web que pode lidar muito bem com grandes volumes de tráfego, mas também é capaz de atuar como proxy reverso e balanceador de carga.

Um dos principais benefícios do NGINX é sua capacidade de lidar com um grande número de conexões simultâneas. Ele pode fazer isso usando uma variedade de técnicas, como manter as conexões abertas por longos períodos de tempo ou, alternativamente, usando programação orientada a eventos. Nesta última abordagem, novas solicitações são recebidas pelos processos de trabalho quando necessário.

O NGINX também é capaz de fornecer conteúdo estático com muita rapidez e eficiência, pois pode fornecê-los diretamente da RAM se eles tiverem sido armazenados em cache antes ou servidos a partir de um dispositivo de armazenamento, como um SSD. O NGINX tem seu próprio sistema de cache chamado FastCGI, que também é usado pelo PHP.

O NGINX funciona na maioria dos sistemas operacionais do tipo Unix e demonstrou ter um bom desempenho mesmo sob cargas muito altas, tornando-o um servidor web favorito para muitas empresas de hospedagem e grandes sites como Facebook e Wikipedia, que recebem milhões de acessos por dia.

Concluindo, o NGINX é um software de servidor web poderoso e versátil que possui muitos benefícios em relação a outras opções, como o Apache. É de código aberto e de uso gratuito, pode lidar muito bem com grandes volumes de tráfego e também é capaz de fornecer conteúdo estático com rapidez e eficiência. Se você está procurando um servidor web que seja confiável e possa lidar com altas cargas, então o NGINX é uma ótima escolha.

Benefícios de usar o servidor NGINX

O NGINX é um servidor proxy reverso de código aberto que possui recursos para resolver seus problemas de hospedagem. É conhecido por sua velocidade, confiabilidade e rico conjunto de recursos.

Hoje em dia é preferido pela maioria dos hosts da web porque permite lidar com mais tráfego em uma única máquina enquanto reduz a utilização de recursos. A razão pela qual o NGINX é usado com mais frequência do que o Apache é que ele permite uma melhor utilização da memória e uma melhor velocidade de carregamento de páginas da web.

O NGINX, pronunciado como Engine X, foi lançado por Igor Sysoev em 2002. Desde então, teve um tremendo crescimento. Há muitos benefícios de usar o servidor NGINX, veja abaixo:

É mais rápido que Apache e LiteSpeed. O NGINX foi projetado de tal forma que envia a resposta de volta ao cliente somente após o carregamento completo de todos os componentes desse arquivo na memória, enquanto no caso do Apache, cada módulo é carregado na memória separadamente quando necessário. Isso resulta em uma melhor utilização dos recursos, tornando seu site mais rápido. É mais eficiente em termos de recursos. Ele usa uma quantidade menor de RAM e não requer reinicializações frequentes.

É escalável. Você pode adicionar ou remover servidores web NGINX de acordo com o tráfego do seu site e seu desempenho não será afetado. O NGINX Plus suporta servidores web populares com um gateway de API para tráfego de entrada e suporte comercial.

Ele suporta balanceamento de carga e reverte a funcionalidade de proxy imediatamente sem instalar nenhum software adicional. Ele vem com uma ampla gama de recursos de sistema sem extensão quando comparado a outros servidores.

Ele suporta os protocolos HTTP, HTTPS, SMTP, POP3 e IMAP para comunicação entre servidores web e clientes. Requer autenticação de servidor HTTP externo e um balanceador de carga HTTP com arquitetura assíncrona.

Ele pode ser facilmente integrado a vários softwares de terceiros, como o WordPress, o que permite executar seu blog com mais eficiência no servidor NGINX.

Não tem problemas de licenciamento. Ele é licenciado sob a licença BSD, o que significa que é gratuito para uso comercial e não comercial.

Ele pode ser usado como um proxy HTTP ou de correio, um proxy reverso ou um servidor Web FastCGI.

Conclusão

O servidor NGINX é um servidor web por HTTP que lida com solicitações de entrada para um site. O NGINX é o servidor HTTP de alto desempenho mais popular em uso atualmente, com um aumento significativo de participação desde 2015.

NGINX significa Engine X. Ele foi criado inicialmente por Igor Sysoev e agora é desenvolvido ativamente por uma comunidade de cerca de centenas de programadores. O principal objetivo do NGINX é ser um servidor web, mas também pode atuar como proxy reverso e cache HTTP, tornando-o bastante flexível para que seu uso vá além de meramente servir páginas web.

Atualmente, o NGINX é usado por mais da metade dos 1.000 principais sites do mundo, portanto, você o encontrará em praticamente todos os datacenters. O NGINX é reconhecido por seu desempenho, estabilidade, rico conjunto de recursos, configuração simples e baixo consumo de recursos.

Saiba o que é um servidor e suas principais funcionalidades

YCorn Hospedagem de Site Barata

Saiba o que é um servidor e suas principais funcionalidades

O que é um servidor?

Um servidor é um tipo de computador que permite que seus usuários tenham acesso controlado e centralizado à arquivos, banco de dados, backups, contas de e-mail e plataformas de trabalho remoto.

Tornam as redes mais acessíveis e auxiliam no trabalho de pequenas a grandes empresas. 

O servidor fornece produtos de software há outros computadores que estiverem conectados a ele por meio de uma rede, podendo ser físico ou virtual.

Para lidar com cargas de trabalho mais pesadas e aplicativos, possui hardwares que aumentam a produtividade e oferecem ferramentas de gerenciamento remoto, que possibilita o T.I diagnosticar o problema de qualquer lugar e também executar manutenções de rotina, entre outras tarefas.

Existem alguns tipos mais comuns de servidores, como:

  • O servidor de arquivos, que armazena arquivos de diversos usuários e possui um HD com alto espaço disponível para arquivos e aplicativos, que podem ser compartilhados em todo ambiente de rede.
  • Servidor web é responsável por aceitar e responder o pedido http do cliente.
  • Servidor de impressão é o responsável pelo controle de pedidos de impressão de diversos clientes cadastrados (máquinas). Ele centraliza a tarefa de gerenciamento de impressoras.
  • Servidor banco de dados gerencia o banco de dados auxiliando no backup automático, mantém salvo e seguro perfis, personalizações, logins e senhas por exemplo.
  • Servidor DNS, ou Domain Name System é responsável pela conversão de endereços IP, possibilita que usuários se identifiquem com nome em hosts remotos.
  • Servidor FPT, ou File Transfer Protocol permite um serviço de acesso para usuários ao disco rígido que arquiva e transfere arquivos por meio da rede.

O que é servidor Cloud ?

Traduzido e conhecido como nuvem são servidores flutuantes, ou seja, armazenam todo tipo de documento sem ocupar espaço físico.

Disponibilizam alto volume de memória e caso o usuário ultrapasse pode comprar mais espaço, além de econômico pode ser acessado de qualquer lugar e é totalmente seguro.

O que é servidor VPS?

Conhecido por VPS, o virtual private server, em português servidor virtual privado é um tipo de servidor que apresenta um desempenho superior que simula o físico, dividindo seu espaço entre usuários e contas, mas oferecendo recursos privados.

A hospedagem VPS permite a configuração do seu site com recursos como memória, por exemplo, indicado para sites que não recebem tantas visitas diariamente ou para pequenas empresas

O que é um servidor Dedicado?

Muitas vezes confundido com o VPS, o servidor dedicado se destacam em suas particularidades, como o nome já diz esse tipo de servidor é dedicado, ou seja, ele centraliza e se dedica ao usuário/empresa.

Não dividindo espaço com outros usuários, gera um desempenho superior, mais velocidade e espaço de armazenamento. 

Com sua velocidade de processamento é indicado para grandes empresas já que sua alta demanda pede recursos elevados de rede, segurança e velocidade. 

Sua diferença com o tipo VPS é que, como já dito, o virtual private é um simulador do dedicado e com recursos inferiores comparados a este. 

É sempre bom visar a necessidade para escolher o modelo que melhor se enquadra ao seu negócio.

O que é revenda de hospedagem?

Hospeda Meu Site Hospedagem de Site
O que é revenda de hospedagem?

Você sabe o que é revenda de hospedagem? Não deixe de ler o conteúdo deste post e ficar por dentro de tudo sobre esse assunto.

Atualmente, tem se tornado bem comum o uso do termo revenda de hospedagem, mas muitas pessoas ainda não sabem o que isso significa. Com certeza você sabe o que é, só não está ligando as informações, mas iremos lhe ajudar.

A revenda de hospedagem, é uma oportunidade, para que grandes fornecedores de hosting disponibilizem seus serviços para pessoas que desejem revender os seus produtos. 

Isso ocorre, porque através da revenda de hospedagem, uma pessoa, poderá revender serviços de hospedagem para outras, gerenciando os valores, os planos e recursos que o seu cliente irá precisar. 

Vale a pena revender hospedagem?

Me responda uma pergunta? Você possui espírito empreendedor? Se a resposta for sim, com certeza vale muito a pena você revender hospedagem. Além de ser uma forma simples de fazer negócios, a revenda de hospedagem é uma ótima opção para quem deseja começar neste mercado de hospedagens de site

Agora é um momento em que as pessoas estão cada vez mais conectadas. E ao abrir uma empresa que atue nessa área a sua probabilidade de dar certo é muito alta.

Isso porque, cada vez mais donos de empresas entendem a importância do mundo digital para obtenção de lucro para os seus negócios. 

Como fazer a revenda de hospedagem?

Você pode escolher uma das empresas que trabalha com esse tipo de serviço, uma delas é a Alphimedia. Ela oferece quatro planos, e cada um vai ter o seu armazenamento variado, os espaços iniciam em 50 GB e chegam até a 400 GB

Outra diferença que existe entre as opções de revenda, é a variação no limite de transferência mensal, que vai variar de 1 TB a 8 TB. Com estes planos você poderá hospedar diversos domínios, criar contas de e-mail, subdomínios, banco de dados, além de ter acesso a muitos outros recursos.

Para deixar o seu trabalho mais atraente para os clientes, invista na criação de sua própria marca. Faça postagens (nas redes sociais), para divulgar os seus pacotes e valores. 

Características de uma revenda de hospedagem

1. É um negócio escalável

Este é um negócio que pode ser facilmente escalável. Isso porque você pode aumentar ou diminuir seu plano de revenda conforme sua necessidade.

2. É um negócio bem flexível

Você terá uma completa flexibilidade, tanto na gerência dos planos de hospedagem dos seus clientes, como também nas cobranças.

3. Faturamento automatizado

Como adicional você pode automatizar a gestão financeira e dos planos. Essa é uma ótima maneira para se trabalhar, pois lhe deixa com mais tempo para se dedicar a outras áreas de seu negócio, como marketing e suporte.

O que é armazenamento na nuvem?

bravulink hospedagem de site barata
armazenamento em nuvem

Você já ouviu falar em armazenamento na nuvem, mas não sabe exatamente o que isso significa? Continue lendo esse artigo e saiba tudo sobre esse assunto.

Cada vez mais as tecnologias estão se modificando, e a nossa vida está praticamente toda online. É por isso, que se você não se atualizar com as novidades, vai acabar ficando para trás. 

Mas é claro que aqui, neste post, você vai entender exatamente o que é armazenamento na nuvem. E além disso, irá perceber como isso pode impactar na sua vida, deixando tudo mais prático.

O que é armazenamento na nuvem?

Este é um tipo de armazenamento, que permite ao seu usuário uma área online para que ele realize esse armazenamento. E a nuvem não serve apenas para armazenar. 

Com esse tipo de armazenamento você pode editar, compartilhar e excluir arquivos, documentos, fotos, vídeos, contatos e aplicativos de forma rápida e fácil.

Ou seja, dessa forma, todos os seus arquivos ficarão salvos e facilmente disponíveis em um ambiente virtual, e não em uma área física. Para poder acessar os seus arquivos, basta ter uma conexão de Internet estável.

Como funciona o armazenamento na nuvem?

Neste momento, existem milhares de servidores que permanecem online 24 horas por dia. Ou seja, eles estão o tempo todo trabalhando nos processos de armazenamento.

Nessa perspectiva, você consegue guardar os seus dados a qualquer hora do seu dia em frações de segundos. Os seus arquivos serão salvos automaticamente em diversos servidores, pois caso algum venha a falhar, você não precisa ficar sem acessar seus arquivos.

Quais os benefícios ao usar o armazenamento na nuvem?

Existem inúmeros benefícios que você irá obter quando optar por usar o armazenamento na nuvem. Vamos conhecer alguns deles? 

1. Segurança de dados

Muitas pessoas têm receio de colocar os seus arquivos na nuvem, porque acham que terão os seus dados expostos. E isso está totalmente fora de cogitação, quando se trata do armazenamento na nuvem. 

Ao usar esse tipo de armazenamento de dados, você tem plena segurança, pois somente o próprio usuário terá acesso aos seus arquivos. E saiba que nem mesmo as empresas que te oferecem esse serviço tem acesso aos seus dados, é tudo muito sigiloso.

2. Redução de custos

Sem a necessidade de comprar dispositivos ou licenças, com certeza o seu bolso vai agradecer bastante. Além da redução dos custos, você também acaba reduzindo a quantidade de dispositivos físicos necessários para você.  

3. Não precisa de instalação

Quando você usa aplicativos ou softwares, sempre precisa realizar uma instalação em seu dispositivo. Mas para aqueles que usam o armazenamento na nuvem, não há a necessidade de instalação. Tudo é feito online.  

Serviços de armazenamento grátis

Você quer conhecer um pouco sobre esse tipo de serviço de armazenamento na nuvem? Elencamos aqui três opções gratuitas para você testar antes de investir na compra de espaço na nuvem.

1. Google drive

2. OneDrive

3. Dropbox

A Guerra entre os Streamings de Jogos

hospedagem de site alphimedia
streaming de jogos

Estamos caminhando para um futuro onde não precisaremos mais de um console físico para jogar, simplesmente vamos ligar a nossa TV e conectar o nosso controle, muitas empresas já estão produzindo versões beta para tornar isso realidade.

Neste artigo vamos te mostrar as empresas que estão investindo milhões de dólares para que todos possam jogar games de grande qualidade, excelentes gráficos, por um preço acessível, sem precisar de hardware sofisticado.

Com o streaming de jogos, você vai poder escolher um jogo assim como faz na Netflix, pagando um pequeno valor mensalmente, tendo acesso a um amplo catálogo. Um dos grandes diferenciais, é que essas empresas vão processar todo o software pesado na nuvem, não precisando que você tenha um console, sendo possível jogar jogos +AAA não importando em o que, pode ser na TV, Computador, Tablet e até celular.

Google Stadia

Este é o projeto da Google para streaming de jogos, só que a gigante americana não está agradando os seus usuários, a empresa quer cobrar individualmente por cada jogo, dificultando o entendimento de catálogo para as pessoas, você paga para um streaming para ter uma ampla lista de jogos por um único preço e não o contrário.

Mesmo com todos estes problemas, a Google pode sim emplacar o serviço a ponto de ser um sucesso absoluto, por um único motivo, a GOOGLE É A GOOGLE, ela tem todos os recursos técnicos e humanos para fazer a plataforma decolar.

Aplitech Jogos (Mobile)

A Aplitech Jogos é um streaming de jogos mobile, focado em jogos para tablet e celulares, você pode jogar em qualquer dispositivo móvel com touch, jogos de ótima qualidade e carregamento quase instantâneo, tudo isso de graça, junto de um blog tratando da história dos video games e notícias relevantes.

Vivo Games 4U (Mobile)

Diferente da Aplitech Jogos, o serviço é pago com uma mensalidade baixa, onde você pode também jogar diversos jogos mobile onde quiser e quando quiser, o serviço tem youtubers famosos que promovem a plataforma como Zangado e outros.

Xbox GamePass/XCloud

São produtos diferentes, mas que se complementam, o Xbox GamePass vai disponibilizar um grande catálogo para você jogar, com uma mensalidade e o XCloud vai viabilizar para que você jogue de qualquer lugar e em qualquer dispositivo, mesmo os jogos +AAA super pesados. Hoje este é o serviço de streaming de jogos mais bem recebido no momento pelos fãs de videogame.

Playstation Now

Essa é a plataforma mais antiga entre todas, a Sony já imaginava este futuro de jogar onde quiser e quando quiser sem um console, mas a plataforma recebe ainda muitas críticas devido ao preço, problemas no catálogo e burocracias.

Esta é a lista, espero que você possa escolher aquela que lhe sirva melhor quando for se divertir.

5 motivos por que seu site está lento e como resolver

hospeda meu site hospedagem barata
problemas com site lento

Ninguém gosta de esperar. Quanto mais tempo uma página demora para carregar, parece que menos vontade temos de insistir nele, não é? Isso também vale para a maioria dos potenciais visitantes do seu site.

Um site lento tem mais dificuldades para gerar valor à sua empresa. Uma loja virtual, por exemplo, pode perder um grande volume de vendas se os clientes não tiverem paciência para esperar. Velocidade é essencial para atender o seu público, seja lá quem ele for.

Para começar, é sempre importante saber se o problema é com o seu site ou com a sua conexão. Uma forma rápida de fazer esse teste é usando a internet 4G ou 3G do seu celular para acessar o seu site. Se a lentidão persistir, então ele deve estar ocorrendo com todos os seus visitantes.

Quer saber como prosseguir? Então, conheça a seguir os 5 principais motivos por que o seu site está lento e como resolvê-los:

1. Hospedagem ruim

A qualidade do seu serviço de hospedagem tem um impacto direto na performance do seu site. Se ele está lento, o primeiro passo deve ser o de buscar a ajuda do suporte técnico para avaliar se é um problema pontual.

Ao escolher uma hospedagem para o seu site, avaliar a velocidade de carregamento é um dos passos fundamentais. Faça uma comparação com outros serviços e considere uma migração para melhorar a sua performance.

2. Código mal otimizado

Cada vez que um navegador de internet carrega o seu site, ele precisa ler todo o código-fonte das suas páginas. Se ele estiver mal otimizado, exigirá mais tempo para ser completamente carregado. 

Felizmente, existem várias formas de otimizar o seu código. Você pode procurar por funções que não são utilizadas ou scripts que deixam suas páginas mais pesadas. Consulte um desenvolvedor para fazer uma boa limpeza nesse sentido.

3. Imagens pesadas demais

Ter fotos bonitas e nítidas em seu site é uma ótima forma de conquistar seus visitantes. No entanto, tome cuidado para não exagerar. Afinal, imagens com tamanho muito grande tendem a fazer com que o seu site fique lento.

A solução para isso está no uso de compressão para diminuir o peso desses arquivos. Também é válido trabalhar com resoluções que não sejam maiores do que o necessário.

4. Falta de um bom cache

Sites da internet que não utilizam cache tendem a ser mais lentos. Com cache, acessos repetidos não exigem um carregamento completo de todos os seus recursos, como o código e as imagens.

Então, procure por um recurso de cache no seu painel administrativo. Ele armazenará os elementos do seu site para acesso rápido, proporcionando um carregamento mais veloz para seus visitantes.

5. Vírus ou malware

Por fim, outro possível motivo para o seu site estar lento é a presença de vírus e malware. Eles também podem infectar páginas da internet, então é fundamental que você tenha atenção para a proteção dos seus arquivos.

Assim como em um computador, a solução envolve o uso de antivírus. A diferença é que você precisa executá-lo a partir do seu servidor de hospedagem. Consulte o serviço de hospedagem que você utiliza ou um desenvolvedor para auxiliá-lo a resolver o problema, caso necessite.

Ao ficar de olho nesses possíveis motivos para ter um site lento, você poderá aprimorar a performance de carregamento das suas páginas. Isso será essencial para que os seus visitantes naveguem mais e, assim, prefiram fazer negócio com você.

O que é domínio? Entenda aqui!

hospedagem de sites homehost com domínios por R$ 1,99

Entenda o que é domínio e para que ele serve!

Para quem está criando seu primeiro site na internet alguns termos podem causar confusão. Domínio é um nome que serve para localizar e identificar você ou sua empresa na Internet. É aquilo que aparece após o www. em sites.

Fazendo um comparativo com o nosso mundo real, o domínio virtual equivale a um endereço onde se encontra determinado estabelecimento comercial ou residencial. Logo, cada domínio na internet também é único, portanto dois sites nunca possuirão o mesmo domínio/endereço.

O domínio foi criado para tornar o acesso aos sites na internet mais fáceis de lembrar, pois caso nos referíssemos ao sites pelo seus IPs, que é a forma pela qual os computadores os identificam, diríamos mais ou menos algo assim: Confira tal site o O endereço é 198.061.545.1!

Algo nada prático e muito menos amigável a nossa memória, não é mesmo? Mas vamos lá! Existem vários padrões de domínio além do “ponto com ponto código do país”. Mas se dividem em algumas categorias.

Quais são elas? Existem domínios Nacionais, Internacionais e Profissionais. E os nacionais são os mais utilizados no Brasil.

Mas quais são as vantagens de ter um domínio próprio? Você será melhor posicionado nas pesquisas orgânicas do Google (SEO), ou seja, vai aumentar sua visibilidade online. E ao tornar mais fácil a visualização do seu negócio você conseguirá atrair mais pessoas. Além disso é muito importante que esse domínio possa ser relacionado ao nome do seu site, associado à sua marca, projeto ou empresa.

Para poder obter um domínio é necessário registrá-lo. Os domínios de extensões pagas são os mais utilizados, pois possuem maior confiabilidade na internet, porém você também pode registrar seu domínio através de extensões gratuitas.

O que são Backlinks: Para que servem e por que são importantes?

hostmídia hospedagem ilimitada com domínio grátis
O que são backlinks

Você sabe o que são Backlinks? Nas estratégias de SEO eles são fundamentais para que um site consiga melhorar o seu posicionamento nos resultados de busca orgânica.

Nesse artigo, você vai entender o que são Backlinks e como eles são fatores importantes para um site.

O que são Backlinks?

Para que você entenda de uma forma mais simples os Backlinks são na verdade links que fazem o direcionamento dos usuários para outras páginas.  

Podendo ser links para dentro do mesmo site ou levando o usuário para um site de outra empresa ou de outra pessoa, dentro do mesmo nicho.

Com esses links internos você faz com que os usuários acessem páginas diferentes relacionadas ao mesmo assunto, assim promovendo uma boa experiência para os usuários que estão visitando o seu site.  

Por outro lado, os links que são indicados ou recebidos fazem com que o seu site tenha mais autoridade sobre um determinado assunto e consequentemente o Google entende que o seu conteúdo é de valor para o público-alvo e melhora o posicionamento no ranking de busca.

Na prática é como se os links que você aponta para outro ou site, ou os links que são apontados para o seu site fossem votos de confiança.

Qual a importância dos Backlinks?

Como explicado anteriormente, os links são utilizados para melhorar a experiência dos visitantes.  

Além disso, eles são fatores influentes na otimização do site para mecanismo de busca (SEO).

Nesse sentido, quando determinado site é indicado com frequência por outro site do mesmo nicho significa que ele é de confiança.  

O algoritmo do Google entende que se existem links de um site em outro é porque ele pode ser relevante para os usuários, com isso ele melhora o posicionamento da página nas buscas, possibilitando mais visitas.

Entretanto, para que se posicione melhor através dessa estratégia é necessário conquistar bons backlinks.

O que fazer para conseguir Backlinks para meu site?

Apesar da sua importância para posicionamento do site, não é todo mundo que sabe o que fazer para conquistar links para o seu site. 

Por este motivo, vamos mostrar o que você deve fazer para conquistar backlinks de qualidade.

1. Jamais compre links

Jamais compre links em sistemas que oferecem esse tipo de serviço. 

Ao fazer isso você está correndo o risco de prejudicar o posicionamento do seu site, caso algum dos links esteja punido pelo Google ou não seja adequado para o seu site.

2. Crie conteúdo de qualidade para os visitantes

Para que o seu site seja identificado como referência é fundamental produzir conteúdo de qualidade. Através dele os sites do mesmo nicho podem apontar um link para uma de suas publicações..

3. Conheça os sites concorrentes  

Para que você consiga encontrar os melhores links para o seu site é importante conhecer os concorrentes, ao fazer isso você saberá quais são os links que estão apontando para eles.

Para fazer isso, utilize algumas ferramentas de SEO como a SEMRush que analisa o site concorrente completamente.

4. Faça Guest Post

Para que você consiga conquistar mais links use a estratégia do Guest Post, ela na verdade é uma troca de conteúdo em troca de um link para o seu site.

Na prática você oferece um conteúdo para o site parceiro e pede para ele apontar um link para o seu site.