O que é MySQL?

bravulink hospedagem de site barata
o que é mysql

Se você estuda ou trabalha com tecnologia, já deve ter escutado falar de MySQL.

Mas afinal, o que é o MySQL?

De maneira resumida, MySQL é um gerenciador de banco de dados relacional. Ele é gratuito, de uso livre, permite múltiplos usuários e é um dos programas mais populares para gerenciamento de banco de dados no mundo.

Um banco de dados, ou base de dados, é o conjunto de arquivos e informações armazenados e organizados de maneira conjunta. 

o que é banco de dados mysql

Bancos de dados servem, basicamente, para organizar as informações de maneira eficiente, melhorando os processos, a comunicação e a experiência como um todo dos negócios que o utilizam.

Um banco de dados relacional é aquele em que as informações são divididas em blocos, chamados de tabelas. 

Ou seja, cada tipo de informação é organizado em uma tabela separada, e todas essas informações podem ser relacionadas e comparadas através de chaves únicas para cada informação em cada tabela.

MySQL é o programa que possibilita estruturar essa linguagem SQL (Structured Query Language) para relacionar as tabelas do banco de dados.

O MySQL é um programa de fácil utilização, para quem tem conhecimento da linguagem SQL, tem uma interface simples que proporciona uma boa experiência de usuário e é compatível com a maior parte dos sistemas operacionais.

Apesar de toda a sua acessibilidade, ele se mantém em constante desenvolvimento e atualização pelos desenvolvedores.

Principais vantagens e desvantagens do MySQL

Uma das principais características do MySQL, enquanto ferramenta, é a segurança. O MySQL, enquanto gerenciador de banco de dados, oferece diversos mecanismos de segurança em relação a usuários, permissões e acessos dos mesmos. 

É possível permitir que um usuário específico acesse apenas determinadas tabelas, por exemplo. Ou que eles possam apenas consultar informações, sem incluir ou excluir dados.

A flexibilidade das opções em relação aos dados é imensa, basta decidir quem você precisa que tenha acesso à quais informações.

A escalabilidade, enquanto característica, também é uma grande vantagem do MySQL.

Com o MySQL, é possível trabalhar bancos de dados imensos de maneira tão fácil quanto bancos menores.

hospedagem php com mysql hostoo

Existem registros de usuários, por exemplo, que trabalham 60000 tabelas com mais de 5000000 linhas cada uma, de maneira intuitiva. 

No quesito portabilidade, o MySQL passeia com extrema facilidade entre sistemas e plataformas. 

Por ser desenvolvido em C e C++, tem módulos aplicáveis a diversas linguagens e interfaces, como Java, Phyton, PHP, entre outros.

Sua velocidade no acesso aos dados também pode ser citado como forte característica. Quando usado de maneira profissional, é esperado que os clientes tenham rápido acesso às informações, e esse desempenho pode ser entregue pelo MySQL.

Sua capacidade de processamento e poder de execução dos dados em grandes volumes permite uma boa performance, otimizando consultas.

O armazenamento de dados em formatos de tabelas também facilita o processamento das informações, podendo colocar o MySQL como um dos mais velozes em execução no mundo, se não o mais veloz.

A própria linguagem SQL utilizada também pode ser considerada como uma vantagem, pois facilita a customização e otimização das funções de processamento de dados.

Como desvantagem do MySQL, é possível citar que, para sistemas mais complexos, é indicado utilizar programas mais robustos.

Funcionalidades do MySQL

O MySQL possui diversas funcionalidades extremamente úteis para quem trabalha com bancos de dados, não à toa é uma das ferramentas mais utilizadas do mundo.

Aqui, nós citamos algumas das principais: 

Arquitetura de cliente/servidor

Com o MySQL, é possível montar uma arquitetura de cliente/servidor, sendo o servidor onde está o banco de dados utilizado, e os clientes são os diversos aplicativos e locais de consultas que utilizam as informações desses bancos de dados.

A principal vantagem deste tipo de arquitetura de banco de dados é que as informações podem ser executadas em diversos lugares, sendo utilizado o mesmo computador ou não, através de redes locais e da internet.

Gatilhos

Mais conhecidos como triggers, esses gatilhos são ações ou funções programadas previamente para serem executadas depois de determinado evento.

Os gatilhos são ações que acontecem de maneira automática. Uma vez que programe determinada ação para acontecer sempre antes de uma consulta ou tabela específica, não importa quando essa consulta seja executada, o MySQL vai buscar pelo gatilho primeiro.

Por exemplo, se você deseja sempre salvar um dado quando realiza uma nova consulta ou atualização de tabela, basta criar um trigger e você não tem chance de perder a informação por acidente.

Stored Procedures

Uma funcionalidade utilizada por desenvolvedores para evitar tarefas e funções repetitivas.

Se você precisa realizar a mesma consulta várias vezes, pode criar um stored procedures para armazenar a consulta em questão e evitar que seja necessário digitar a mesma linha de código várias vezes. 

JSON

JavaScript Object Notation é um formato de troca de informações e dados universal.

Desde suas últimas versões, a notação e troca de dados através de JavaScript já está disponível no MySQL, criando um leque de possibilidades de armazenamento de informações dentro do banco de dados.

A facilidade de uso do javascript dentro do MySQL melhora principalmente a experiência do usuário final dessas informações, facilitando a visualização.

MySQL Connector

É uma ferramenta que permite conectar diversas linguagens diferentes como o Java, Python, PHP, entre outros a um banco de dados MySQL, melhorando as aplicações de gerenciamento de banco de dados.

Concluindo, podemos dizer que o MySQL é uma excelente ferramenta para trabalhar bancos de dados compostos por grandes volumes de dados, com eficiência, agilidade, segurança e compatibilidade com a maioria dos sistemas operacionais.

Se entre as vantagens e utilidades citadas está o que você procura, não pense duas vezes antes de escolher o MySQL para seu projeto.

Como descobrir seu público alvo?

hostmídia hospedagem e e-mail ilimitado
como descobrir público alvo

Quando estamos montando um negócio, seja na internet ou não, é preciso e importante descobrir seu público alvo, quem se interessa pelos seus produtos. Esse é um dos pontos chaves para saber como atraí-los da melhor maneira. 

Responder algumas questões é fundamental para conseguir definir o seu público, quais estratégias usar, e é nesse momento que alguns profissionais se perdem, e não criam soluções direcionadas, comprometendo suas vendas com isso. 

Para descobrir seu público alvo e aprender a segmentar esses clientes, continue lendo.

Aprendendo a definir um público

Quando temos um produto ou serviço para vender, criamos campanhas de marketing, divulgação, e tudo isso leva tempo e um certo investimento. Por esse motivo, é preciso que ele seja direcionado a quem tem interesse no que você oferece. 

O público alvo é esse cliente. Eles são os consumidores do seu produto, e são eles que estão interessados nas soluções que você apresenta. Portanto, para descobrir seu público alvo, é preciso entender quais são suas necessidades, e para isso:

  1. Faça uma pesquisa de mercado

Entender e conhecer o mercado é um diferencial para que você enxergue novas oportunidades de negócio, além de ter mais acesso ao público. Observe e pesquise sobre a sua concorrência e como ela atua, quais são os seus diferenciais, como eles atendem o público, quais soluções oferecem, etc. Analise tudo isso e reúna essas informações.

  1. Converse com quem tem interesse

Embora dentro do marketing digital ou para quem vende através da internet, essa seja uma etapa bem mais simples, já que você pode descobrir os interessados de forma remota, não há como descobrir seu público alvo, sem interagir com as pessoas. Encontrar suas dores, o que buscam em produtos e serviços, para saber a melhor forma de ajudar, é através de pesquisa, de conversa.

O primeiro ponto que precisa ser levado em consideração são os beneficiados com o seu produto. Use as redes sociais, monte uma landing page para captar e-mails, contatos, e assim você pode começar a enviar conteúdos e perguntas para abordar os primeiros possíveis clientes, e descobrir o que eles procuram.

  1. Crie grupos

Quando você cria um produto e quer mostrá-lo para o mundo, a primeira coisa que se pensa, é na divulgação. Em alguns casos é preciso educar o mercado, mostrar as pessoas que elas precisam daquilo, ou mostrar quais as aplicações e como aquilo pode ser usado. Às vezes é preciso mostrar os benefícios do produto para o seu público.

Com isso, descobrir seu público alvo pode ser feito dentro de um grupo de segmentação. É possível que ali existam pessoas que conheçam e saibam usar o seu produto, mas também haverá aqueles que não conhecem. A proposta aqui, é começar a separar essas pessoas de alguma maneira, seja através da produção de conteúdo, por necessidade que eles tenham, e assim você consegue aprofundar assuntos de acordo com o que cada grupo precisa.

  1. Definindo a persona

Para definir a persona, inicialmente é preciso descobrir seu público alvo, e basicamente passar por todas essas etapas que foram ditas acima. A persona, é um personagem fictício, construído com muitos detalhes, como se fosse uma pessoa de verdade, que é um norte para te ajudar, te direcionar a criar campanhas mais eficientes, usando os hábitos de consumo que esses possíveis clientes podem ter.

Ao ter esses dados, mesmo que fictícios, mas que precisam ter uma base de pesquisas por trás, é possível montar as estratégias para divulgação de produtos, campanhas promocionais e assim conseguir vender mais, ou até mesmo atrair mais público. 

Tudo começa ao descobrir seu público alvo. É assim que as campanhas são criadas, que a divulgação se torna mais eficiente, já que tudo é feito para atrair um público específico e com isso, os resultados são melhores.

Como vender mais com meu site?

kinghost hospedagem de sites
como vender mais com meu site

Não dá para negar, o lucro é o principal objetivo de todo empreendedor. Afinal, quem é que não quer ganhar dinheiro com o próprio negócio? Quem disser o contrário, provavelmente está se enganando. Claro que abrir uma empresa também está relacionado a realização de um desejo, de um sonho antigo, mas mesmo assim não se pode negar o prazer que é ver sua ideia se tornando realidade e sua conta bancária engordando.

Contudo, não é tão fácil como se imagina chegar no pote de ouro no fim de arco-íris. E se você está tendo dificuldade em alavancar as vendas do seu site e gostaria de dicas de como mudar isso, você está no lugar certo. Abaixo, separamos alguns passos que você deve seguir à risca para fazer suas vendas bombarem como nunca. Vamos lá? 

Como fazer meu site vender mais? 

Direcione seu público/vendas 

Você montou seu site bonitinho, mas ele não está vendendo como você imaginou que estaria? Bom, já pensou que isso possa estar acontecendo por que você não direcionou suas vendas? Existe um erro fatal e comum praticado por muitos novos empreendedores: o de querer abraçar o mundo. Não faça isso.

No momento que for colocar seu portal no ar, deixe claro para quem ele foi criado, ou seja, defina o seu público-alvo. Por mais que as visitas sejam menores, o importante é que elas sejam efetivas. Não adianta você ter um tráfego grande, mas não vender nada.

Facilite a compra 

Não basta deixar o botão de compra bem posicionado, o cliente não pode sentir nenhuma dificuldade na hora de finalizar o pedido, isso fará ele desistir de adquirir seu produto, sem pensar duas vezes. No momento que for construir essa parte, análise, se coloque no lugar do consumidor. Evite incluir muitas etapas ou de pedir dados muito difíceis de serem preenchidos. 

Esteja disponível para ajudar 

Por mais que você tenha deixado o processo de compra o mais fácil possível, é normal que surjam dúvidas por parte dos clientes, e é aí que você entra. Esteja sempre disponível para ajudar, para sanar qualquer questão que ele tenha. Por mais que o seu layout seja maravilhoso, você não pode negligenciar o atendimento. É isso que faz a diferença no sucesso ou no fracasso de qualquer negócio. Basta pensar: você compraria de uma empresa que não te atendeu bem? Sabemos a resposta. O mesmo acontece com o seu público. 

Ah, e não adianta ser cortês só pra garantir a venda. A qualidade do atendimento tem que ser a mesma antes, durante e depois da compra. 

Surpreenda nos detalhes 

Com as tecnologias, as vendas estão cada vez mais mecânicas e automáticas, o que tem as suas vantagens, não podemos negar. Mas o público sente falta de um tratamento mais pessoal, nunca duvide disso. Que tal, por exemplo, na hora que for enviar sua encomenda, escrever um bilhete a mão para o seu cliente? Ou investir em um brinde personalizado?

Todo consumidor quer se sentir próximo da empresa que consome, ele quer se sentir importante para aquela entidade, não menospreze esse fato. Acredite, no fim das contas, faz total diferença entre ele escolher você ou o seu concorrente. Por isso, não deixe nunca de investir nos detalhes, isso te deixará à frente da concorrência. 

Se você seguir todas essas dicas, temos certeza que suas vendas vão crescer do jeito que você imaginou. Além do passo a passo que falamos aqui, não deixe de se manter atualizado sobre o seu ramo, essa é a única forma de você proporcionar a melhor experiência possível para o seu público-alvo. 

Agora é mãos na massa e boas vendas!

O que é Joomla!?

hospedagem de site joomla uol host
o que é joomla

Ser um(a) produtor(a) de conteúdo está em alta e, com isso, não para de crescer o número de usuários que saíram do outro lado do computador para entrar nele. Produzir conteúdo para web é a grande estratégia para debater assuntos importantes, expandir o network e também vender.

Mas o que causa estresse para quem produz conteúdo é passar o seu negócio para um site. Você pode fazer uma pesquisa e contratar um(a) desenvolvedor(a) competente para isso. Mas o que acontece na maioria das vezes é que o site não fica sob seu comando. Então, toda vez que você precisar fazer alguma alteração, vai ter que chamar o profissional de TI para isso.

Por isso, muita gente opta por criar o próprio site. Atualmente é possível colocar seu portal no ar sem complicações e em alguns segundos. O Joomla! foi criado pensando nisso. Quer saber um pouco mais dessa ferramenta de gerenciador de conteúdo? Fique neste artigo.

Posso criar meu site com o Joomla? 

Exatamente, o Joomla! é um CMS (Content Management System) que, nada mais é que um conjunto de funções criadas para facilitar a criação de um site. Essa gama de opções disponibiliza ao usuário uma publicação de conteúdo tranquila sem precisar se preocupar com programação.

Dessa forma, o seu blog é organizado por categoria e você constrói no mecanismo simples de arrastar e soltar.

5 Principais benefícios do Joomla!

Utilize vários template e temas

O que mais agrada o usuário é ter variedades de opções para escolher. O template é responsável por dar a personalidade do seu site. 

A maioria dos temas são pagos, mas ainda assim a oferta de templates gratuitos é muito boa. São templates dos mais diferentes tipos desenvolvidos para você aplicar facilmente ao seu site.

Suporte para diversos idiomas

Aqui não tem problema com o idioma. Se você quer um sistema fácil de usar, elimine as barreiras da comunicação. No Joomla! Você terá suporte totalmente em português. E, caso queira criar a versão do seu site em outro idioma, é possível fazer essa transformação em apenas alguns cliques.

Escalabilidade

Com o tempo, a quantidade de acessos será ainda maior no seu site. E com o Joomla! você consegue criar a quantidade de páginas e conteúdos que desejar, tudo isso sem perder a qualidade e a velocidade de carregamento do site.

Repositório de plug-ins vasto

Não importa qual é o tipo do seu negócio, o Joomla! vai te atender. São mais de 9000 plugins em seu repositório, utilizados para criar redes sociais, blogs, sites de games, classificados, e-commerce, pop ups e muito mais.

Responsivo

Hoje onde a maioria das pessoas usa celular, utilizar uma plataforma responsiva é fundamental. Seu site precisa ser adaptável a qualquer dispositivo para continuar recebendo visitantes interessados. Então, gostou de saber mais sobre esse gerenciador de conteúdo? Fique com a gente para saber mais sobre tecnologia.

O que é PHP: saiba mais sobre a linguagem

instale centenas de scripts e aplicativos facilmente na bravulink
O que é PHP saiba mais sobre a linguagem

Você sabe o que é PHP? A linguagem de programação é uma das mais utilizadas na internet atualmente. 

Mas o que ela vem a ser? Em resumo, podemos dizer que ela é uma linguagem de programação usada por programadores e desenvolvedores na construção de sites dinâmicos.

Além disso, a linguagem também é usada na criação de extensões de integração de aplicações, auxiliando ainda na otimização do desenvolvimento de sistemas. Saiba mais sobre o que é PHP e como ela é empregada na prática

Mas afinal, o que é PHP?

Mas afinal, o que é PHP? A sigla, acrônimo para PHP: Hypertext Preprocessor (Pré-Processador de Hipertexto) é uma linguagem de script open source.

selecionar php na hospedagem hostoo

Em suma, ela é de uso geral, aberto sem restrições legais para qualquer usuário. Assim, não é necessário o pagamento de qualquer licença, por exemplo.

Com isso, o PHP acaba sendo muito utilizado no desenvolvimento web, sendo, por vezes, integrado dentro do HTML. Ou seja, ele é responsável por mesclar comandos, facilitando o trabalho de desenvolvimento.

Dessa forma, o PHP é tido como uma linguagem de script criada para comunicações do lado do servidor. Ela é capaz de lidar com diferentes funções de backend, como:

  • Gerenciamento de arquivos do servidor 
  • Coleta de formulários de dados,
  • Modificação de bases de dados.

Uma das linguagens mais usadas no mercado

Todos os benefícios e facilidade da linguagem fazem do PHP uma das mais usadas no mundo. Do Facebook ao WordPress, são vários os sites e plataformas desenvolvidos com o seu uso.

Da mesma forma, a linguagem e seus recursos trazem diversos outros benefícios, auxiliando, inclusive, no desenvolvimento de plataformas de venda de e-commerce, por exemplo.

Para o Marketing Digital, o PHP é de grande importância, já que, por meio dele, é possível otimizar estratégias de atração de leads e fidelização de clientes.

Por que aprender PHP?

Sendo assim, aprender PHP pode ser uma boa forma de entrar no mercado da programação. Tanto para a criação de sites quanto para o desenvolvimento de sistemas, o aprendizado dessa linguagem pode ser bem importante.

Vale destacar que o WordPress é construído usando PHP. Assim, a linguagem se destaca ainda mais pela relevância que a plataforma de criação de sites e blog tem.

Por meio da linguagem script server-side PHP, você pode criar e modificar plugins e temas, ou até mesmo criar sites e aplicações para serem usadas nele.

Os benefícios do PHP 

Mas agora que você já sabe o que é PHP, ainda podemos citar alguns dos benefícios que essa linguagem da programação apresenta.

Em resumo, ela se destacar pelos seguintes motivos:

  • Facilidade de aprender e aplicar no desenvolvimento;
  • Baixo custo de aplicação e de aprendizado;
  • Integração com uma grande base de dados, como MySQL, Oracle, DB2;
  • Grande comunidade de programadores em fóruns e blogs;
  • Amplamente utilizada em todo o mercado – 79% de todos os sites criados usam PHP.

Entender o que é PHP e aprender essa linguagem certamente vão te dar uma vantagem no mercado de trabalho, tendo em vista o aumento da demanda por profissionais qualificados.

Fora isso, você certamente já percebeu todos os motivos para aprender mais sobre uma das linguagens mais utilizadas na internet, não é mesmo?

Aproveite os 40% de desconto em servidores VPS e Dedicados da ValueHost

hospedagem e revenda valuehost 30 dias grátis

A ValueHost está com uma promoção para novos clientes, onde você poderá ter um desconto de 40% na primeira mensalidade de todos os modelos de servidores VPS e Dedicados.

Para ter acesso ao desconto, utilize o seguinte cupom no carrinho de compras antes de finalizar seu pedido:

servidores dedicado e vps valuehost 40% de desconto

server40off

* O cupom é ativado automaticamente ao clicar em contratar em qualquer um dos servidores.

Com sede em São Paulo/SP, a ValueHost surgiu em 2009. Com servidores nos EUA, Canadá e Brasil. A ValueHost é a melhor opção para o seu negócio. Aproveite esta promoção e junte-se aos outros 50.000 sites que são hospedados pela ValueHost.

Abaixo estão mais alguns detalhes relacionados aos planos e servidores:

  • Servidores pré-configurados e com alta performance
  • Network e Hardware de alto nível
  • Opções com Transferência Mensal Ilimitada e Link de até 1GB/s
  • Servidores com opção de discos SATA, SSD, NVMe e configuração de RAID 1 a 10
  • Sistemas de Firewall, Anti-DDoS e Anti-Spam
  • Monitoramento completo em tempo real integrado ao sistema da ValueHost
  • Diversos sistemas operacionais e outros recursos
  • Gerenciamento super fácil, instalação de OS com apenas 1 clique
  • As melhores linhas de processadores Intel e AMD para maior performance
  • Datacenter Profissional Certificado Tier 4 e ISO 27001, segurança total
  • Autonomia para seus projetos, configure sistemas quando quiser via ROOT e KVM

Como atrair mais visitantes para meu site?

hostmídia hospedagem ilimitada
atrair mais visitantes para meu site

Existem diversas técnicas para atrair mais visitantes para meu site, mas antes que você se engane, não existem hacks ou truques que façam isso de maneira fácil, é preciso trabalho e um pouco de conhecimento. 

Para aprender algumas maneiras de melhorar o seu posicionamento do ranking de buscas e atrair mais vistas, continue lendo para aprender com um guia completo como melhorar o seu tráfego.

Dicas para aumentar suas visitas

Veja abaixo 10 dicas que ajudam a atrair mais visitantes para o meu site, que você pode implementar no seu. 

  1. Site ou blog responsivo

Atualmente grande parte dos usuários acessa a internet através dos smartphones e por isso, ter um site responsivo que se adapta a diferentes tipos de dispositivo, é uma dica básica para o site ficar em melhor colocação no ranking. 

  1. Tenha um template leve

Usar um design ou template leve, para atrair mais visitantes para meu site, faz toda a diferença, opte por criar uma página que carrega rápido. O Google também leva em consideração o tempo que o site leva para abrir as páginas. Imagina ficar esperando até que todas as imagens do site carreguem para visualizar algo? A taxa de rejeição em sites pesados é bem grande. 

  1. Esteja presente nas redes sociais

É importante marcar presença nas mídias sociais, isso além de ajudar a diversificar o seu alcance, também é uma forma de encontrar clientes e se aproximar deles. Portanto, redes sociais como Facebook, Instagram e Twitter, precisam de uma dedicação à parte.

  1. Estratégias de SEO

Nós explicamos neste post aqui com mais detalhes o que é SEO, e essa é uma das melhores maneiras de otimizar o conteúdo para atrair mais visitantes para o meu site. Todo o conteúdo que eu faço precisa seguir algumas regrinhas de SEO para impulsionar ainda mais o meu tráfego de forma orgânica. 

  1. Use o Google Analytics

Essa é outra ferramenta importante que te ajudará a entender os passos que você dá. O Google Analytics é uma ferramenta do Google, que te mostra informações reais sobre o seu site, desde os visitantes, até as páginas que são mais visitadas. E ao ter essas informações, eu consigo montar melhor a minha estratégia para atrair mais visitantes para meu site.

  1. Anúncios

Saindo do tráfego orgânico, essa também é uma maneira de atrair mais visitantes, que é criando campanha no Google Adwords. Essa ferramenta é uma das principais aliadas para sites. Oferecem diversas opções de anúncios, incluindo a opção de deixar o seu anúncio em primeiro lugar, aumentando seu tráfego significativamente.

  1. E-mail marketing

Se você está começando a trabalhar com marketing digital, sabe da importância do e-mails marketing para atrair clientes novos. É uma das formas de divulgar seus produtos e serviços, trocando informações importantes. 

  1. Observe a concorrência

Observar os seus concorrentes é uma maneira de entender de forma abrangente, como o mercado funciona. Descobrir novas estratégias e observar os resultados. Com isso é possível criar as suas próprias. É uma forma de não ficar para traz estando antenado ao que acontece na sua área.

  1. Links internos

Sempre que fizer uma postagem, uma dica para atrair mais visitantes para meu site, é linkar alguma parte do artigo, com outro artigo do meu próprio site. Dessa forma se o usuário estiver interessado em saber mais sobre o assunto, ele vai clicar ali e isso vai me gerar outra visita, em uma nova página. Além disso, fazer essa linkagem é uma boa estratégia de SEO.

  1. Diversifique seu conteúdo

Por fim e não menos importante, para atrair mais visitantes para meu site, diversifico os conteúdos para torna-lo mais atraente. Com isso, faço outros tipos de posts como vídeos, podcasts, infográficos tudo com informação que interesse o meu público e que seja relevante para o meu nicho. 

São novas formas de se comunicar que também fazer parte do marketing digital e podem trazer muitos benefícios e resultados.